Mark Mobius visita o Brasil e comenta suas impressões sobre a economia latino americana

Sem comentários Tendência Econômica

Mark Mobius, presidente executivo da Templeton Emerging Markets Group, concluiu recentemente uma viagem pela América Latina. Em seu blog “Investment Adventures in Emerging Markets” ele comentou suas impressões.

Um fator importante na região, segundo ele, é a falência do populismo. “Isto é parte de uma tendência mais ampla onde alguns mercados emergentes estão se afastando do populismo enquanto, ao mesmo tempo, alguns mercados desenvolvidos – incluindo EUA e partes da Europa – aparentemente gravitam em torno dele”.

Tratando do México, ele considera exagerada as especulações quanto ao futuro sombrio da economia do país após a eleição de Trump. Segundo ele, o comercio entre os países, estimado em US$580 bilhões, é muito importante para que ocorra uma quebra tão grave.

Quanto ao Brasil, ele é otimista em relação às reformas prometidas pelo governo, citando como de maior importância a privatização de empresas e a venda de ativos como projetos de infraestrutura e relacionados ao petróleo.

Mobius aproveitou para elogiar o lado econômico do carnaval carioca (que ele visita todo ano), citando números que representam a grandiosidade e importância do evento para o Rio de Janeiro: contribuição de R$3 bilhões para a economia da cidade, 1 milhão de visitantes, 250.000 empregos temporários, 1000 vendedores ambulantes e gasto em torno de US$1 milhão por cada escola de samba.

Ele conclui dizendo que, assim como em 2016, acredita que a performance dos mercados emergentes continuará superando a dos países desenvolvidos nos próximos anos.

Tendência Econômica

Informamos objetivamente os acontecimentos essenciais que guiam os mercados ao redor do mundo